Ortopedia Adulto: Entrevista – Medicina do Esporte

Posted on 04/06/2007

1


 Atualizando : Em 23 de Maio de 2006 publiquei no antigo Blog uma entrevista interessante com Dr Leonardo Addeo, médico do Esporte do CETE e do São Camilo/Santana. Vejamos:

  

   "Como todos devem saber uma parte de responsabilidade pela grande longevidade dos nossos atletas de hoje se deve grande desenvolvimento da Medicina do Esporte. Todos devem lembrar também no passado daquela "entrada criminosa" do zagueirão do Bangu num craque da época, o Zico? (assista vídeo de 1985). Possivelmente hoje a história seria diferente e quem sabe naquele 86 contra França nossos traumas – como nação futebolística é claro – não teriam tido início?

   Hoje trago ao Blog uma entrevista concedida a mim pelo Ortopedista e Médico do Esporte Leonardo Addeo Ramos do Grupo CETE, que tem Dr Moyses Cohen entre seus participantes. Jovem, arrojado e cheio de idéias - como toda juventude deve ser! – apresento Dr Leonardo Addeo:

   BLOG : Qual o papel da Medicina do Esporte hoje na longevidade dos atletas?

  Leonardo Addeo : A medicina esportiva possui uma campo de atuação muito grande pois não está restrito só aos atletas de alto rendimento. Diferentes pessoas buscam a atividade física por motivos  diversos. Há indivíduos que querem melhorar sua forma física , outros querem obter saúde, outros apenas estética, … Não importa qual seja o objetivo, todos necessitam de algum tipo de orientação. A medicina esportiva não se preocupa só no tratamento das lesões advindas do esporte mas fundamentalmente de como previni-las através o conhecimento biomecânico dos diversos gestos esportivos e suas demandas metabólicas.

  Através destes conhecimentos podemos manter o indivíduo mais tempo praticando atividada física em um nível adequado e longe de lesões. 

   BLOG : Quem quiser iniciar a prática desportiva hoje, qual(is) profissionais procurar para avaliação inicial completa?

   O médico especialista em medicina esportiva possui conhecimento necessário para avaliar o atleta e sempre que necessário pode/deve solicitar avaliações de outros colegas como: cardiologista, clínico geral, ortopedista, e ainda ,avaliações do fisioterapeuta e do nutricionista.


   BLOG : Finalmente uma pegadinha: a lesão muscular Grau 3 é uma lesão "cirúrgica" ou
não?

   LEONARDO ADDEO : Podemos classificar as lesões musculares traumáticas em 3 graus:

   O grau 1 é a lesão leve. Neste tipo de lesão não há ao exame físico "GAPS" visíveis ao palpáveis, são conhecidos como "estiramentos musculares". Sua resolução é rápida e fácil.

   O grau 2 é a lesão moderada. Neste tipo de lesão pode-se palpar algum GAP, são lesôes maiores ainda de boa resolução no tratamento clínico porem com um tempo de resoluição um pouco maior. Neste tipo já observa-se uma porcentagem de fibras lesadas.

   O grau 3 é considerada a lesão grave. Neste tipo de lesão o "Gap" pode ser palpável e visível. Uma grande porcentagem de fibras está rompida e o tratamento é mais difícil e longo. O tratamento neste tipo de lesão é classicamente não cirúrgico é reservado o tratamento conservador naqueleles casos de lesões extensas onde não há musculatura agonista e portanto com déficit funcional evidente. Há no entanto, na literatura mundial uma tendência a indicação do tratamento cirúrgico associado a verdadeiros "aumentations biológicos" como os fatores de crescimento celular, anti-fibrinolíticos e até mesmo a engenharia de tecidos. No Centro de Traumatologia do Esporte do DOT – UNIFESP existe uma série de trabalhos realizados neste sentido e acredito que este será o futuro no tratamento destas lesões.


  
BLOG – Qual a importância hoje, dentro do seu ponto de vista, das Reuniões Clínicas do Corpo Clínico dentro de uma
instituição?

   LEONARDO ADDEO – As reuniões clínicas são fundamentais para o bom funcionamento de todo grupo pois serve não só de uma maneira de se criar normas de tratamento apoiadas na literatura médica, mas também como forma de constante reciclagem da equipe. A discussão de casos e revisões de literatura são obrigatórias para a "Saúde" de um serviço. "

  Vamos encarar este Post como mais um da série de melhores momentos do Blog Antigo. Tentarei montar aos poucos, seguindo a Lei de Pareto abordando 80% de questões ligadas a area profissional e 20% a amenidades cotidianasóbvio que neste Post vcs leram, ou viram, uma das poucas citações ao Flamengo que este Blog fará.

 

Read and post comments | Send to a friend

Posted in: Uncategorized